Beyoncé; Madonna; Daft Punk: confira fotos dos shows da 56ª edição do Grammy

Ao lado de Jay-Z, Beyoncé abriu o veneto com "Drunk in Love"

Beyoncé abriu, na noite deste domingo, a cerimônia do Grammy, em Los Angeles. A diva surgiu cantando e dançando sensualmente apoiada em uma cadeira a música "Drunk in Love".

Detalhe: mais magra, ela estava com um look que deixava parte de seu bumbum à mostra. Não demorou e seu marido, Jay-Z, juntou-se à estrela. O público foi ao delírio.

Lorde foi a segunda a se apresentar na premiação. Depois foi a vez de Katy Perry, bastante aplaudida, ao mostrar uma perfomance para lá de teatral.

John Legend exibiu todo seu talento ao som de "All Of Me". Hunter Hayes, Robin Thicke, Keith Urban Taylor Swift, que fez uma vigorosa apresentação, também se destacaram no palco.

Pink apostou na ousadia ao mostrar uma série de acrobacias. Logo após a bela, foi a vez de Ringo Starr fazer a alegria dos presentes. Mais tarde, Ringo se encontrou com Paul McCartney no palco. Juntos, eles emocionaram a plateia.

Pharell Williams, Stevie Wonder e Daft Punk colocaram todo mundo para dançar em um dos momentos mais esperados na noite - outro destaque ficou por conta da apresentação do Metallica e Lang Lang, que tocaram o clássico "One".

Madonna surgiu no palco usando paletó e gravata brancos e entoou o sucesso "Open Your Heart". Detalhe: enquanto isso, vários casais trocaram alianças.

Coube a Queens Of The Stone Age, Nine Inch Nails e Dave Grohl a missão de fechar o Grammy deste ano. E eles, claro, não decepcionaram.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE